UBE

Eleições 2014: Eleitos 2 deputados estaduais e 1 deputado federal membros da IEADERN

08 outubro 2014

1468511_708848782526427_1545065727402668971_n

Antonio Jácome e Jacó

10349953_666566120092896_6370951858972874735_n

Albert Dickson

A partir de janeiro de 2015, a Igreja Evangélica Assembleia de Deus no RN (IEADERN) estará representada na Assembleia Legislativa do RN e na Câmara Federal, historicamente, por três legisladores cristãos.

Atual deputado estadual, o experiente político assembleiano, Antonio Jácome (PMN), entra para história da denominação como o primeiro deputado federal evangélico eleito no RN, com 71.555 votos.

Os irmãos em Cristo, vereadores atuantes em Natal, Albert Dickson (PROS), eleito com 37.461 votos; e Jacó Jácome (PMN), eleito com 28.620 votos, assumirão cadeiras no legislativo estadual.

O sucesso nas urnas é resultado do compromisso pessoal dos eleitos em garantir os princípios basilares da fé cristã como norteadores de suas respectivas legislaturas, e a postura pública como representes do segmento evangélico assembleiano durante seus mandatos, para isso, seguindo as orientações da Palavra de Deus e os conselhos salutares daqueles que encabeçam a presidência da denominação no estado.

A IEADERN estabeleceu através do seu Pastor Presidente, Martim Alves da Silva, e dos pastores: Francisco Cícero Miranda (1° Vice-Presidente da CEMADERN), Elinaldo Renovato de Lima (2° Vice-Presidente da CEMADERN), e Alfredo Luiz de Melo (Presidente da Comissão Política da CEMADERN), parâmetros relevantes para as Eleições 2014, posicionando-se consciente e organizadamente contrária aos candidatos e partidos dissociados dos padrões morais do cristianismo.

Considerando a singularidade do momento, tanto para o país, quanto para a Igreja do Senhor, a IEADERN e CEMADERN promoveram orientações cuidadosamente respaldas pelas Escrituras Sagradas, para assegurar o posicionamento ideal do cristão neste pleito eleitoral.

Então, foram elaboradas e elencadas as diretrizes que norteariam o voto assembleiano:

1. O MOMENTO POLÍTICO ATUAL é de grande significado, tanto para o Brasil, quanto para a Igreja de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, pois, se por um lado, nos últimos anos, houve melhoria em alguns indicadores sociais, por outro lado a corrupção moral cresceu e se enraizou fortemente no País. Pessoas condenadas por crimes de desvio de dinheiro público e formação de quadrilha, pelo Supremo Tribunal Federal, são tratadas por alguns como heróis nacionais. Uma vergonha! Como se não bastasse, novos escândalos aparecem todos os dias, nos noticiários. A sensação de impunidade, na sociedade, para aqueles que saqueiam os cofres públicos, faz com que esse tipo de crime aumente a cada dia.

1.1. PROJETOS E LEIS QUE AFRONTAM OS PRINCÍPIOS DA PALAVRA DE DEUS. Existem, tramitando no Congresso Nacional (Senado e/ou Câmara de Deputados), mais de 800 projetos de lei, que apresentam propostas que afrontam a Lei de Deus e trazem sérios danos à sociedade civil. Eles tratam desde a descriminalização da maconha, desfiguração do conceito de família, cerceamento da liberdade de expressão, dentre outros. O Poder Legislativo, portanto, precisa de homens e mulheres comprometidos com a cosmovisão judaico-cristã e não alinhados a qualquer filosofia contrária à Palavra de Deus.

1.2. DESCONSTRUÇÃO DA FAMÍLIA. Percebe-se um grande esforço, pelos partidos de esquerda, em promoverem a destruição da família tradicional. Há propostas para a plena legalização do “casamento gay”. Querem implantar esse tipo de “casamento” e de “família”. Ocorre que, de acordo com a Lei de Deus, a união homossexual é considerada “abominação ao Senhor” (Lv 18.22; 20.13), e “paixão infame”, “torpeza”, ato “contrário à natureza” (Rm 1.24-27; 1Co 6.10). Para Deus, família tem que ser a união de “pai”, “mãe” e “filhos”. Fora disso, é união espúria, reprovada pelo Criador e Senhor dos Céus e da Terra.

1.3. APROVAÇÃO LEGAL DA PROSTITUIÇÃO. Existem instrumentos governamentais (PNDH3), que consideram a prostituição profissão tão digna quanto à de professora, médico, advogado, pedreiro, militar, etc. Isso é uma aberração, uma perigosa afronta à Lei de Deus. Prostituição é a venda do corpo, é o comércio, que afronta a dignidade da pessoa humana. O corpo deve ser “templo do Espírito Santo” (1Co 6.19,20).

1.4. ENSINO DE SEXO A CRIANÇAS DE 06 A 08 ANOS. As propostas de órgãos do governo ainda insistem em que seja ensinado sexo a crianças, nas escolas, incluindo o programa “Escola Sem Homofobia”, cuja tônica é a doutrinação de que a homossexualidade é normal e até desejável. Isso é uma afronta à Lei de Deus. Jesus disse: “Deixai vir a mim as crianças, e não as impeçais, pois das tais é o Reino dos Céus” (Mc 10.14).

1.5. APROVAÇÃO DO ABORTO. O aborto é pecado abominável, de acordo com a Lei de Deus. Desde a fecundação, o embrião, passando pelo feto, é UMA VIDA, UM SER HUMANO EM FORMAÇÃO (Sl 139.14-16). Não pode ser destruído. No aborto, a criança é despedaçada, com alicates cirúrgicos, destruída com ácido, arrancada a vácuo, um verdadeiro crime contra a vida. Deus é o autor da vida. Só a Ele cabe o direito de tirá-la.

Por fim, os tópicos seguintes “Em quem não votar” e “Em quem votar”, definem a orientação do voto cristão:

1. EM QUEM NÃO VOTAR: Não vote em candidato(a) que aprove o ABORTO. Não vote em candidato(a) que seja favorável ao “casamento gay”, por ter a mais tremenda reprovação de Deus (item 1.2). Não vote em candidato(a), que considere a prostituição “profissão digna”. Não vote em candidato(a) que defenda o ensino de sexo ilícito ou a homossexualidade nas escolas, pois, ademais, isso tudo leva à PEDOFILIA! Não vote em candidato(a) que apoie a descriminalização da maconha.

2. EM QUEM VOTAR: a) Dê preferência a candidato(a) cristão cujo testemunho de vida glorifique a Deus; b) Dê preferência a candidato(a) que tenha compromisso com os princípios morais do Cristianismo; c) Dê preferência a candidato(a) que não apoie as propostas legislativas que contrariam a Lei de Deus.

A coerência das orientações demonstra a nitidez da visão eclesiástica sobre a realidade do cenário político brasileiro, que a partir de 2015 terá um representante da IEADERN, Antonio Jácome (PMN), compondo a Frente Parlamentar Evangélica em Brasília, somando com mais de 30 membros das igrejas evangélicas do Brasil.

Antonio Jácome (PMN), é o primeiro deputado federal evangélico do RN, eleito com 71.555 votos. Ele iniciou a sua trajetória pública em 1988 quando foi eleito pela primeira vez vereador da cidade do Natal, exercendo mais dois mandatos na Câmara Municipal de Natal. Foi Secretário Municipal de Promoção Social e de Assuntos Comunitários da Prefeitura de Natal. Em seu quarto mandato como Deputado Estadual, Jácome desenvolve projetos que contribuem para o desenvolvimento do Rio Grande do Norte e luta pela melhoria da qualidade de vida do Norte-Riograndense, como o combate as drogas, uma saúde pública eficiente, qualificação profissional e pelo fim da violência em todos os setores da sociedade.

Antônio Jácome é médico, advogado e teólogo. Casado com Edna Jácome, pai de três filhos que seguem o exemplo do pai. Dois dos filhos buscaram na medicina a realização profissional e o mais jovem, o vereador de Natal, Jacó Jácome, segue na área jurídica como profissão e política por vocação. Jácome acredita que a família é a base para uma vida completa.

Jacó Jácome (PMN), foi eleito deputado estadual, aos 22 anos, foi o candidato mais jovem a sair vencedor das eleições deste domingo (5) no Rio Grande do Norte. Jacó que já havia sido o vereador mais jovem a ser eleito em Natal no ano de 2012, recebeu 28.620 votos para ganhar uma vaga na Assembleia Legislativa. O estudante de Direito afirma que vai trazer projetos voltados para a juventude. "Planejo projetos para qualificação profissional, combate às drogas e incentivo ao ensino superior. É o prosseguimento ao trabalho feito na Câmara Municipal", afirma o deputado estadual eleito.

Em seu perfil na rede social, Jácome postou em gratidão aos seus eleitores: Obrigado Rio Grande do Norte por confiar no comprometimento de Antônio Jácome e Jacó. Vejas as fotos que marcaram a vitória, a concretização de um sonho, o sim da população do RN. Os potiguares estarão bem representados na Câmara Federal e na Assembleia Legislativa, com o trabalho e dedicação de Jácome e Jacó”.

Albert Dickson (PROS), é natural de Natal-RN, sendo o último filho de Damião Batista de Lima e Teresinha de Oliveira Lima, ambos vindos do interior do RN para a capital, na década de 60. Casado com a Dra. Hilkéa Carla e pai de Albert Filho e Davi. Estudou medicina em Natal, fora do Estado e País. Evangélico há 25 anos, foi líder de jovens de sua igreja e cursou o IBAD - Instituto Bíblico das Assembléias de Deus.

Em seu segundo mandato como Vereador da cidade de Natal, eleito com 7.344 votos, é atualmente Presidente da Câmara Municipal de Natal.

Em gratidão ao Senhor, tributou as seguintes linhas:Não tenho palavras para agradecer Tua bondade. Dia após dia me cercas com fidelidade. Nunca me deixe esquecer que tudo o que tenho. Tudo o que sou. O que vier a ser . Vem de Ti Senhor. Dependo de Ti. Preciso de Ti. Sozinho nada posso fazer. Descanso em Ti. Espero em Ti. Sozinho nada posso fazer. Tu és fiel.”

 

FONTES:

CPADNews.com.br

Assembleia Legislativa do RN
http://www.al.rn.gov.br/portal/deputados/70/antnio-jcome

G1.com
http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/eleicoes/2014/noticia/2014/10/aos-22-anos-universitario-e-eleito-o-deputado-estadual-mais-jovem-do-rn.html

Site Albert Dickson Oftalmologista
http://www.albertcombonsolhos.com.br/novo/o-vereador

*FOTOS:

Facebook.com

Nenhum comentário :

Postar um comentário

COMENTE, todavia seja respeitoso e identifique-se, comentário "anônimo" não será postado. Obrigado!

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
 
Copyright © 2015. O ASSEMBLEIANO .
Design by Herdiansyah Hamzah . Published by Mais Template .
Creative Commons License