UBE

21 de maio de 2011: O Fim do Mundo!

19 maio 2011

Em julho de 2009, um panfleto sobre o fim do mundo foi distribuído pela pelas ruas de São Paulo informando que o arrebatamento aconteceria no dia 21 de maio de 2011 e o fim do mundo em outubro de 2011

O texto foi assinado pela Family Rádio do Brasil, cuja sede fica localizada em Belo Horizonte.

Utilizando referencias bíblicas de Daniel 12, a Family Rádio informava que em 2011 completará 7 mil anos depois do dilúvio e portanto Jesus estaria preparando sua volta. O texto ainda argumenta referências em Gênesis 7:11 e Mateus 24.

No entanto, um vídeo foi gravado para lembrar a tal data do julgamento de toda humanidade perante o criador:

 

A Family Radio é um ministério cristão de radiodifusão baseado na Bíblia e sem nenhuma afiliação com igrejas.

 

Fonte: Tela Crente

Meu comentário:

Tudo isso é bobagem, fruto de mentes mirabolantes que buscam na Bíblia fundamentar suas teorias sensacionalistas e meramente publicitárias. Portanto, este não é o primeiro, nem será o último anúncio da data exata do fim do mundo, outros falsos profetas surgirão em breve.

A segunda vinda de Jesus acontecerá a qualquer momento, não temos o conhecimento do exato momento do arrebatamento, porém os sinais estão aí, visíveis aos olhos de todos. Quem dúvida?

A doutrina escatológica tradicional da Assembleia de Deus garante que o arrebatamento é a chave para os demais eventos do tempo do fim. Depois dos mortos serem ressuscitado, os crentes vivos serão levados ao céu. Posicionado entre o “Céu” e a terra, Cristo estabelecerá seu tribunal, galardoando todos os salvos pelo trabalho desempenhado em prol do Evangelho. Há quem afirme que a Igreja entrará no céu para participar da festa das bodas – o casamento de Jesus com sua noiva, a igreja – com duração exata de sete anos.

Enquanto a isso, imediatamente após o arrebatamento, tem início o período do Anticristo, também chamado de Grande Tribulação. Este período terá dois momentos distintos, divididos em duas metades de 3 anos e meio.

No primeiro momento, depois do arrebatamento de milhões de pessoas em todo o mundo o cenário é caótico, a insegurança e a desordem imperam em toda parte. É neste momento que o Anticristo se apresenta como alguém com muito prestígio político e influências globais, capazes de garantir a segurança das esferas social, religiosa, política e econômica.

O Anticristo será a encarnação do “salvador” ideal da humanidade, um ser construído pelos anseios daqueles que não se renderam ao Salvador e Rei dos homens pecadores.

Estabelecido como o “grande salvador”, fará uma aliança de paz com Israel por três anos e meio.

Concluído a primeira fase da Tribulação, tem início a Grande Tribulação propriamente dita.

Intitulando-se o messias, o rei prometido dos filhos de Davi, o Anticristo requererá o trono dravídico, exigindo assentar-se na cadeira real em Jerusalém. Neste momento da história o Anticristo estabelecerá o fim dos cultos às divindades, reivindicando adoração exclusiva dos cidadãos do mundo.

Ladeado pelo falso profeta, ele fará sinais e prodígios no céu e na terra, causando temor e admiração em todo mundo. Um novo culto é estabelecido, a adoração ao Anticristo é anunciada por toda parte.

Os que ficaram para trás no arrebatamento cairão em si, lembrarão das profecias e rejeitarão o culto ao infame, renunciando sua marca registrada na mão ou na testa dos seus seguidores. Enquanto isso, Israel rompe a aliança com as nações, abominando a prostração ao filho da perdição. Cristãos e judeus são incriminados pela justiça mundial, sentenciados ao cativeiro e/ou morte, se não se dobrarem ao novo deus.

Muitos morrerão por Cristo, outros não suportarão as torturas e negarão a fé. Os judeus serão prisioneiros em seu próprio país. Será um tempo de angústia para os filhos de Jacó.

No céu, diante do trono de Deus, o Cordeiro abre o livro e desata os sete selos. Os sete anjos tocam suas trombetas e a terra sofre com as catástrofes divinas. Entre a sexta e sétima trombeta, Deus levanta duas testemunhas na terra com autoridade sobre a água e o fogo, pregando contra os homens pecadores e a besta.

As testemunhas profetizarão 1.260 dias, ou 42 meses, e serão assassinadas pelo Anticristo. Os cadáveres ficarão expostos numa praça em Jerusalém por três dias e meio, causando muita alegria em todos os moradores da terra. Depois desses dias Deus os ressuscitará, arrebatando as duas testemunhas diante do olhar atento da humanidade.

A ira divina cai sobre o homem, trombetas e flagelos abalam o cosmo, os astros celestes são abatidos, o planeta feneceu. Bilhões de mortos pelas ruas, cidades devastadas, todo o sistema global ruiu; porém os homens não se arrependem dos seus pecados.

Revoltados e furiosos contra Deus, os ímpios seguidos do Anticristo estão agora arregimentados num grande exército no vale do Armagedon, equipados com toda sorte de armas, tanques e aeronaves.

Encurralados os judeus clamarão a Jeová por socorro, sua oração é prontamente respondida, quando abrindo os céus Jesus – o Messias prometido – desce montado num cavalo branco, cercado pelos santos anjos, para fazer guerra contra o exercito das trevas. Miguel, o arcanjo, prende Satanás numa cadeia e o lança no abismo por mil anos; Cristo derrota o exército do mal e lança a besta e o falso profeta vivos no lago de fogo que arde com enxofre.

Após o final da Grande Tribulação, com a prisão de Satanás no abismo e a destruição dos inimigos do povo de Deus, Jesus é aclamado pelos judeus como “aquele que vem em nome do Senhor”, o Messias enviado.

Cristo então se assenta no trono de Daví na Cidade Santa, coroado como o Rei dos judeus. Entronizado, Jesus dá inicio ao seu reinado milenial.

Ele governará o mundo por mil anos, será um tempo de renovo para toda a terra. O planeta será restaurado e o cosmo estabelecido. Os homens andarão na lei do Senhor, temendo e adorando a Jesus – o Rei dos reis e Senhor dos senhores.

Sem a atuação de Satanás, a humanidade vive em harmonia com Deus, com Cristo e com os remidos do Senhor – os salvos estarão em companhia de Cristo durante seu reinado na terra – que estarão servindo a Jesus tanto na terra, como no céu.

Com o término do Milênio Satanás é solto, um grande exército é formado e avança contra a cidade de Grande Rei, porém desce fogo do céu e os destroem. Finalmente o diabo é lançado no lago de fogo e enxofre, onde já estão a besta e o falso profeta, para ser atormentado para sempre.

Consumado todas as coisas, o tempo do juízo é chegado. O grande trono branco desce do céu e não há como escapar de sua presença, pois ele enche todo o espaço. O Deus Todo-Poderoso assiste todos os mortos diante do trono, grandes e pequenos, ricos e pobres. A humanidade pecadora está reunida, um a um são julgados; o julgamento se estende, mas estamos na eternidade.

Enquanto os pecadores são julgados e sentenciados a segunda morte, ao lago de fogo e enxofre, os crentes salvo estão ao lado de Cristo, auxiliando no juízo divino, revestidos de glória e poder. Aleluia!

Concluído o julgamento os pecadores são condenados definitivamente ao terrível lago que arde em chamas, onde já está o diabo, a besta e o falso profeta. Para os salvo Jesus preparou um novo céu e uma nova terra, e uma cidade, a nova Jerusalém – lugar da habitação de Deus, morada do Altíssimo – cuja glória é semelhante a uma pedra preciosíssima!

 

Incerto quanto à data, mas convicto de Sua vinda… Maranata!

3 comentários :

  1. niguem pode saber o dia do juizo
    diz abiblia. vai vir como ladrão

    ResponderExcluir
  2. Ao invés de ficar inventando supostas "teorias" sobre o arrebatamento, o mais aconselhável ao tal pastor fazer seria ler mais a bíblia e saber guardar as palavras que nela estão escritas, já que nem o prórpio filho de Deus, Jesus Cristo sabia o dia e a hora mas, como disse; somente o Pai o sabe (Mt 24), quem é este que se diz mais especial que Jesus para saber o dia do arrebatamento?

    Que nenhuma pessoa interprete esta mensagem de acordo com seu próprio intelecto, mas de acordo com a Palavra de Deus que é a única regra de fé a qual realmente devemos seguir como base para nossas vidas para não cair em tentação com este tipo de idéia sem fundamento!

    ResponderExcluir
  3. Pois é Irmãos hoje 02/06/2012 e nada né?
    Qual seja a data todos sabemos q ele vai voltar.
    No Aguardo com muita Fé!!!

    ResponderExcluir

COMENTE, todavia seja respeitoso e identifique-se, comentário "anônimo" não será postado. Obrigado!

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
 
Copyright © 2015. O ASSEMBLEIANO .
Design by Herdiansyah Hamzah . Published by Mais Template .
Creative Commons License